domingo, 21 de novembro de 2010

Reflexo da Alma '


Essa escuridão, como foi parar aqui?
Não avisto mais o limite de suas terras. Meus gritos de socorro
se perdem no vazio, continuo caminhando, ao lado desse silencio sufocante.
Estendo as mãos e tento tocar o que não vejo. Não sei onde encontrar
tudo aquilo que perdi.
  Desconheço o meu reflexo, um estranho me encara profundamente, buscando
o que nunca teve, o que nunca sentiu.


       Feito por : Marino Amarante ( EU AMEI HOJE E SEMPRE )'
Since : (12/09/2010)

Um comentário:

  1. - Não sabia desse talento, senhor Marino .
    - PERFEITO! *-*

    ResponderExcluir